a arte da pesca
Pescarias

A Arte da Pesca

 

A arte da pesca é um hobby maravilhoso. Ela nos traz muitas alegrias, reúne amigos, familiares e até alivia aquela carga, stress do nosso dia-a-dia. Como já dizia o ditado popular: Tá nervoso vai pescar. E não é a toa pois na pescaria até a paisagem encanta. Quem não gosta de curtir a natureza não é mesmo?

Além de ser uma atividade apaixonante, a arte da pesca nos traz aquela paz interior, podemos até dizer que pescarias também melhoram nossa capacidade de viver em sociedade pois sempre encontramos um velho amigo e acabamos colocando o papo em dia, contando a história daquela pescaria, ou até mesmo fazendo novas amizades. Quem sabe nessas novas amizades até forme “aquela equipe” de pescadores.

Um iniciante em sua primeira pescaria disse:

 

Esse lugar, com essa natureza trouxe uma paz de espírito que foi revigorante nesse momento da minha vida. Me senti como se tivesse purificado minha alma.

 

É verdade que a pescaria traz muitos benefícios, claro que pra quem gosta, porém também podemos ter desprazeres. Não é incomum ver um o outro pescador reclamando de pescarias frustradas, ou até mesmo dizendo que perdeu seu final de semana. Afinal nem sempre o mar está bom pra peixe. Alguns até mesmo depois de certo tempo abandonam a atividade e isso é lamentável.

Completando o ditado: Tá nervoso vai pescar, e aí fica mais nervoso porque não pega nada!

Claro que a pescaria não é só o peixe, poderíamos dizer até que pegar o peixe na arte da pesca é consequência pois o todo de uma pescaria é o que vale. Mas o que fazer para torná-la incrível, com muitas emoções e levar pra casa a fotografia daquele troféu?

Será que simplesmente achar que o peixe não está “comendo” é confortador?

Nos dias atuais onde várias áreas já foram degradadas, onde vemos rios poluídos e frequentemente peixes morrendo, com a pesca predatória e vários outros fatores, o número de exemplares estão cada vez mais diminuindo. Com isso as técnicas utilizadas em pescarias passam a se tornar muito importantes.

Podemos ouvir hoje em dia, em muitos locais, pescadores mais velhos dizendo:

 

Nesse rio antigamente não perdíamos uma pescaria! Era um melhor que o outro!

 

Muitas vezes pegar sua tralha, que de certa forma pode ser  “genérica”, e somente uma isca onde acredita-se que várias espécies de peixes podem atacá-la, e vão se tiver sorte, pode não trazer muito sucesso. Como dito anteriormente a pescaria não precisa ser somente fisgar aquele peixe, mas contar com ele faz toda diferença.

Hoje em dia, a pescaria precisa ser preparada, e vários fatores precisam ser considerados. A não ser que você vá a um pesqueiro onde há peixes em abundância ou à um local que seja de certa forma “garantido”, e mesmo assim corre-se um risco, você precisa se atentar à vários fatores.

Procure planejar com antecedência sua viagem (se for o caso), verifique a validade de sua licença de pesca estude a espécie que pretende fisgar, prepare sua tralha, defina qual o equipamento mais indicado, avalie quais as melhores iscas, avalie a época do ano, veja a previsão do tempomaré, e muitos fatores que possam ajudar a ter um dia mais empolgante. Muitas vezes colegas que já pescaram no local que pretende ir possuem dicas valiosas.

Claro que em pescarias combinadas de última hora por um convite ou uma vontade repentina não dá muito tempo para planejamento, mas o máximo que puder fazer já ajuda, ainda mais se for em locais conhecidos.

Portanto se você não quer passar o dia, como diz a musica, dando banho na minhoca, e não ter que completar o ditado popular com a outra frase, programe sua pescaria e curta um dia maravilhoso.

 

Boa pescaria!!!

 

CONFIRA

LOJA PORTO DO PESCADOR

Produtos com os melhores preços selecionados para você amigo Pescador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *